Onda de calor atinge MS neste sábado e temperaturas podem chegar a 40°C

Mato Grosso do Sul está sob alerta de onda de calor neste sábado (21) e moradores devem ficar atentos quanto aos cuidados com a saúde. A previsão é de que as temperaturas possam chegar a marcar 40°C e a umidade relativa do ar fica ao nível crítico de 10% em algumas regiões.

Em Campo Grande, segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), o sábado começou marcando mínima de 20°C e à tarde as máximas podem chegar a 36°C. Na capital, os moradores devem ficar em alerta extremo, pois os níveis de umidade estão baixos com mínimo de 10%.

A região mais crítica atingida pelo calor é a do Pantanal, que registrou inclusive intenso incêndio em Corumbá nesta sexta-feira (20). As temperaturas máximas nesta região podem chegar a 40°C.

No leste, nas cidades de Três Lagoas e Aparecida do Taboado, as temperaturas ficam entre 20°C e 36°C. A umidade relativa do ar nessas cidades pode chegar a 15%.

Compartilhar:

Como trabalhar bem em casa? 5 dicas para melhorar a qualidade do home office

Desde o início da pandemia, o ambiente de trabalho passou a ser a própria casa para boa parte da população no mundo. Mais de um anos depois, algumas pessoas ainda podem estar longe de voltar às rotinas presenciais nas empresas.

De acordo com a pesquisa da FIA Employee Experience (FEEx), 90% das 213 empresas entrevistadas aderiram o home office como alternativa para o trabalho. Para manter a qualidade e produtividade nesse cenário, é imprescindível ter um espaço adequado, ferramentas de qualidade e hábitos que melhorem a organização das tarefas do dia.

“É importante pensar no bem-estar da rotina do home office. Usar equipamentos que proporcionem uma melhor ergonomia para as tarefas diárias melhora a qualidade da produção além de otimizar o tempo de trabalho,” comenta Thiago Tieri, gerente de marketing da Wacom no Brasil.

Confira dicas de como otimizar o home office:

1) Arrumar o espaço de trabalho

Estar concentrado no momento do home office é sempre ideal. Criar um ambiente de trabalho pode parecer uma dica simples, mas é essencial. De acordo com uma pesquisa feita pela empresa Robert Half, em 2020, um em cada cinco brasileiros afirmam que o maior desafio do home office é lidar com as distrações causadas por outras pessoas da casa. Portanto, definir bem o ambiente conscientiza todos do momento de trabalho em que cada um se encontra, além de tornar a rotina profissional mais agradável e trazer a sensação de escritório para o novo ambiente.

2) Ferramentas certas otimizam e potencializam a qualidade do trabalho

Seja para fotógrafos, professores, designers, editores, artistas ou, ainda, arquitetos: ter a ferramenta certa é crucial para garantir a qualidade da produção.

3) Ergonomia e bem-estar

Outro ponto importante é pensar na ergonomia das ferramentas que você utiliza durante o trabalho. Ter almofadas de teclado ou mouse, cadeiras confortáveis e mesas com a altura ideal colaboram para o bem-estar do profissional e beneficiam na saúde física ao longo do tempo.

4) Listar tarefas

Mais do que ser organizado, listar as tarefas que precisam ser feitas durante o dia é importante para otimizar o tempo. Ver quais demandas precisam ser entregues no trabalho e saber separá-las das atividades pessoais faz a distribuição das horas do dia ser mais rentável. Além disso, entender quais tarefas devem entrar em cada dia da semana prepara a agenda para o surgimento de qualquer imprevisto.

5) Entender o horário do home office

Estabelecer um horário exclusivo para o trabalho ajuda a criar uma rotina mais eficiente, além de entender como as demandas podem ser atendidas. Não misturar tarefas pessoais com profissionais, respeitar horários de almoço e pausas e o momento de encerrar o expediente é o ideal para que o tempo dedicado ao trabalho remoto seja otimizado.

Compartilhar:

Ar seco predomina e eleva temperaturas em Mato Grosso do Sul

O ar seco vai predominar nesta terça-feira (06) e ao longo desta semana em várias regiões do Brasil, incluindo Mato Grosso do Sul. Esse bloqueio atmosférico impede a formação de nuvens de chuva, resultando em sol forte, temperaturas elevadas e tempo seco.

Durante as tardes a umidade relativa do ar vai atingir índices críticos, com valores abaixo de 20% em Mato Grosso do Sul. O tempo seco facilita o surgimento de tosses secas, crises de rinite, sinusite e incômodos respiratórios. Outro ponto que merece atenção são os possíveis focos de queimadas em áreas urbanas e rurais.

A terça-feira será marcada pela grande amplitude térmica, que são madrugadas frias e tardes quentes. A meteorologia estima temperatura mínima de 10°C e máxima de até 34°C. O calor deve se concentrar entre as regiões sudoeste e pantaneira.

Dourados também terá predomínio de sol com tempo claro. As temperaturas podem variar entre 14°C a 28°C e a umidade do ar pode chegar a 20% no período da tarde.

Compartilhar:
×