Ambiental resgata arara-canindé ferida no interior de residência

Uma moradora do bairro Austrillo Capilé Castro de Nova Andradina, cidade localizada na região do Vale do Ivinhema, acionou a Polícia Militar Ambiental de Batayporã, informando que uma ave silvestre da espécie Ara ararauna (Arara-canindé) aparecera no quintal da residência dela, com dificuldades de locomoção, aparentando estar ferida.

Os Policiais Militares Ambientais foram ao local e perceberam que a ave estava doente, porém, sem ferimentos aparentes. O animal foi capturado e encaminhado para atendimento por um médico veterinário voluntário em uma clínica na cidade de Nova Andradina, que sempre apoia a PMA nos casos de animais feridos.

Segundo o profissional, a ave aparenta problemas neurológicos, porém, somente depois de exames que estão sendo realizados, que se poderá determinar o problema. Logo que o veterinário trate a ave e a libere, ela será encaminhada ao Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres) em Campo Grande, até ser reabilitado e devolvido ao seu habitat natural.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×